MOBILIDADE

Mobilidade
Abril 28, 2021 03:55 PM

Na passada Sessão Ordinária da Assembleia Municipal (27/04/2021), o Bloco de Esquerda apresentou uma recomendação para que fosse promovido o estudo de localizações alternativas à localização da subestação de tração da linha do oeste, em Runa. Esta recomendação foi chumbada com os votos contra do PS e as abstenções do PS e CDS.

Mobilidade
Abril 25, 2021 04:36 PM

Para além das questões de saúde pública a integridade da zona histórica fica em
causa. A paisagem mantém os elevados
impactos que já o Estudo de Impacto Ambiental falava. O turismo de natureza,
passeios pedestres e o desenvolvimento de Runa como destino de natureza e
património ficam também altamente condicionados.

Mobilidade
Março 25, 2021 03:25 PM

Runa continua entregue a si própria, num esquema de contornos duvidosos que, na sua essência, muda alguma coisa, para que tudo fique na mesma.

Mobilidade
Julho 25, 2020 03:49 PM

O Bloco de Esquerda levou à sessão da Assembleia Municipal de Torres Vedras de 24 de julho, três recomendações: Uma para que a tarifa social da água passasse a ser aplicada de forma automática, tal como já acontece em alguns municípios; Outra para que as bicicletas "Agostinhas" deixassem de ter qualquer custo de utilização e, por fim, uma recomendação para que fossem atribuidos selos que permitissem o estacionamento gratuito aos trabalhadores do hospital de Torres Vedras.

Todas as propostas foram chumbadas.

OPINIÃO

Nesta batalha pela igualdade, não existem meios termos. Ou se assume que todas e todos as e os cidadãos são iguais perante a Lei e têm os mesmos direitos e são aceites independentemente da sua orientação sexual, ou se assume que não.

Runa continua entregue a si própria, num esquema de contornos duvidosos que, na sua essência, muda alguma coisa, para que tudo fique na mesma.

A modernização e eletrificação da linha do Oeste é uma obra inestimável, mas o progresso não se faz a qualquer preço.

O mistério das árvores azuis está esclarecido, estão marcadas para morrer, resta saber como acaba a sua história.

Não se devem colocar fatores económicos à frente das pessoas.

Não se entende como uma empresa criada para organizar eventos tradicionais em Torres Vedras, ganha poderes de fiscalização e cobrança aos munícipes, numa transformação que vai muito além de uma agilização de procedimentos para a Feira ou o Carnaval.

azendo uma análise por alto de onde se gasta o dinheiro, se percebem as prioridades de quem gere Torres Vedras.