Author Bios

Articles by this author:

  • Um estudo publicado em 2019, com um mapa interativo disponível, projeta a perda de superfície terrestre para o mar em 2050 (ou seja, daqui a menos de 30 anos) e pode verificar-se neste mapa que toda a extensão costeira do nosso concelho será afetada, incluindo as praias da Assenta, Cambelas, Foz do Sizandro, Santa Cruz, Porto Novo.

  • Há 8 anos houve um aviso da parte de Vladimir Putin. Não nos preparamos. Como muitos outros problemas globais, preferimos como país, e como país-membro da União Europeia esperar para ver ao invés de sermos mais pro-ativos e de desenvolver políticas que apoiem cadeias curtas de consumo e produção e que assegurem a nossa segurança alimentar e energética.

  • Por descarbonização entende-se a redução de dióxido de carbono (CO2) na atmosfera para níveis considerados seguros para a existência de vida humana na Terra. De momento, as emissões de CO2 continuam a ser superiores ao sequestro por meio dos oceanos, florestas e solos, e este gás de estufa continua, ano após ano, a acumular-se na atmosfera onde absorve e irradia calor do sol, o que contribui para o aquecimento global.

  • As alterações climáticas são uma realidade, e vários efeitos são já sentidos no concelho, por exemplo, subida do nível da água do mar e acelerada erosão costeira (e.g. arribas Assenta), Verão prolongado com atraso na chegada das chuvas de Outono, redução do número de dias com chuva por ano, secas mais frequentes e intensas, tempestades de inverno com chuva e vento forte, aumento da temperatura
    da água do mar.

  • Embora se afirme por aí que é difícil encontrar mulheres interessadas na vida política, estes argumentos são normalmente apresentados por homens e por isso muito pouco convincentes para as mulheres. O domínio masculino na política local tornou-se num ciclo vicioso, já que por não ser comum as mulheres estarem na liderança, ainda menos mulheres serão potencialmente atraídas (ou admitidas) a exercer tais cargos.

  • O glifosato é produzido pela multinacional Monsanto, recentemente comprada pela alemã Bayer, e comercializado sob o nome Roundup, sendo um dos herbicidas mais utilizados no mundo. Em 2015 foi classificado pela Agência Internacional de Investigação do Cancro (IARC- acrónimo em inglês) como sendo um agente cancerígeno de Classe 2A, ou seja é provavelmente cancerígeno para humanos, existindo evidências suficientes de que é cancerígeno para os animais.

  • Se e’ verdade que existam regioes que produzem bens alimentares abaixo do seu potencial produtivo, existem outras regioes onde a pressao sobre os recursos ambientais e’ notavel.

  • No entanto, no que toca a mobilidade sustentável fora da cidade, o trabalho é nulo ou praticamente nulo. Há aldeias que ainda parecem ficar no fim do mundo.

    E para estas aldeias de fim do mundo não há ciclovias, não há autocarros, não há Agostinhas, não há nada. Só a frustração de se ter de usar um carro para deslocações que se poderiam fazer facilmente de bicicleta ou autocarro.

  • Apesar de ser melhor solução do que uma lixeira a céu aberto, um aterro sanitário implica uma severa intervenção na paisagem para a sua implementação, é apenas uma solução a curto prazo já que o seu tempo de vida não vai além dos 25 anos, e contribui para a emissão de gases de efeito estufa, principalmente o metano, e consequentemente para as alterações climáticas, estas por sua vez com impactos negativos na economia e na saúde.

  • Mas quem vem de fora tem perguntado porque se chama a este percurso um Eco-Caminho se os ecossistemas estão muito degradados. O trajeto desenrola-se por entre campos agrícolas nos quais se amontoam metros e metros de plásticos pretos utilizados para regar as culturas. Estes plásticos acumulam-se tanto nos limites destes mesmos campos como envolvidos nos solos fertéis de aluvião. Aí são negligentemente deixados a apodrecer e a decompor-se em micro plásticos para mais tarde entrarem na nossa cadeia alimentar através dos produtos hortícolas que consumimos.